Decorreu de 15 à 30 de Junho, na Academia Militar “Marechal Samora Machel”, seminário de
capacitação de supervisores de trabalhos de investigação aplicada, direcionado ao quadro
docente desta instituição.
A abertura do seminário foi dirigida pelo Comandante da Academia Militar, Major General
Francisco Zacarias Mataruca. Durante a sua intervenção, defendeu que o seminário responde as
exigências do ensino superior militar. “O aprimoramento das metodologias de investigação e de
produção de trabalhos científicos respondem às exigências desta Instituição de Ensino Superior
Militar, cuja necessidade é a procura de soluções para responder aos problemas candentes da
defesa da soberania nacional ”.

Ainda no seu discurso, Mataruca disse que não devemos pensar que já sabemos e nunca pensar
que já estudamos, essa é a ilusão de alguém que pretende envenenar o mundo académico e pode
cair.

O comandante da academia Militar não deixou de fazer menção da interdisciplinaridade das
ciências militares, daí o facto de alguns formadores serem oriundos de outras instituições de
ensino superior tais como ACIPOL e UniRovuma.

O seminário que teve a duração de 15 dias, terminou com uma cerimonia de enceramento na
qual, o Comandante da Academia Militar Major-General Francisco Zacarias Mataruca disse que,
a realização do seminário constituiu o momento impar para o mundo académico militar, visando
actualizar e uniformizar os conhecimentos atinentes à supervisão dos trabalhos de investigação
aplicada nesta instituição de ensino.
Por sua vez, os participantes manifestaram a sua satisfação por terem feito parte do mesmo.
“Saímos com um sentimento de ter adquirido conhecimentos na área de metodologia de
investigação científica para orientar os cadetes da Academia Militar na produção de trabalhos
científicos de qualidade”, disse Tenente Mauro Tiago, docente da AM.

Para o formador Elias Maxombe, docente da UniRovuma, afirma que “o seminário constituiu um
momento ímpar de aprendizagem mútua e sendo duma instituição diferente da Academia Militar
e estando abordar conteúdos ligados aos trabalhos de investigação cientifica, ainda persiste
desafios nesta área dentro da Academia Militar e temos que sanar”.

Deixa um comentário

X
%d bloggers like this: